Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Sonhos Urbanos

Powered by Cognitive Science

Um post de regresso

por Jorge, em 15.04.04

Todas as buscas têm os seus altos e baixos, e aqueles que buscam por vezes duvidam da possibilidade do seu sucesso. Há momentos em que nos esquecemos para onde vamos, ou antes, para que é que estamos a fazer algum esforço.


 Nestes momentos reina a solidão e a desarmonia com o que nos rodeia... o tempo altera o seu ritmo, tudo fica mais rápido e os dias perdem a sua magia tornando-se iguais entre si.


É então que não podemos cair, apesar da dificuldade que sentimos e do desejo de desistir... (cada momento é mais sufocante... cada vez mais... e todas as forças parecem ter deixado de desistir). Até que a beleza se revele nas nossas vidas e nos faça parar para nos encontrarmos de novo em união com tudo o que existe, este viver da beleza não deve ser visto como algo exterior mas sim como uma mudança interior (algo como "um querer nascer de novo para o Mundo"). A beleza atrai mais beleza, novas formas de viver, novas formas de busca, e uma motivação renovada.

10 comentários

Comentar post