Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Sonhos Urbanos

Powered by Cognitive Science

Pessoas Douradas

por Jorge, em 10.07.05
São os super-homens enquanto nós somos os homens-aranhas, ou talvez não o sejam mas são ilustrados dessa forma nas páginas da nossa vida.

São aquelas pessoas com quem somos comparados (em almoços de família e afins) que têm a mesma idade que nós e já fizeram coisas fantásticas e têm vidas direitinhas e certinhas. Às vezes nem os conhecemos, parecem quase lendas urbanas.



“Não sei porque é que és assim. Olha para o filho da senhora x, tem a tua idade, já acabou o curso, chega a horas a casa, não perde tempo a escrever e a ler para ir passear com a mãezinha às compras, namora com a mesma rapariga desde os 12 anos, vai à igreja. Ah… e ele foi o melhor a tudo o que fez.” (exemplo aleatório).

Será que existem mesmo pessoas douradas? Será que isto é o ideal de vida? Será que são pessoas felizes? Porque temos todos que ter as mesmas metas?

Honestamente, parece-me melhor cada um ser dourado à sua maneira. Não importa o que os outros dizem, cada um tem a capacidade de descobrir o que é melhor para si.

Jorge

Nota: uma breve explicação do exemplo que dei com as duas personagens de banda desenhada. O Super-Homem é muito mais poderoso que o Homem-Aranha, tem um ar certinho de escuteiro e as pessoas gostam dele. O Homem-Aranha faz aquilo que uma aranha pode (“… does whatever a spider can…”, como diz na música… e as músicas não mentem… hehe), é odiado pela maioria das pessoas e está sempre a dizer piadas desadequadas ao contexto.

6 comentários

Comentar post