Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Sonhos Urbanos

Powered by Cognitive Science

Game Boy I

por Jorge, em 25.08.10

Quando a guerra das consolas começou em Portugal, as grandes empresas rivais eram a SEGA e a NINTENDO. Em 1993 (tinha 12 anos) juntei-me ao lado da NINTENDO ao comprar a minha primeira consola um Game Boy (Tetris + Teenage Mutant Ninja Turtles: Fall of the Footclan).

 

Inicialmente fiquei um bocado triste pelos jogos não terem cor e o ecrã ser pequeno, mas era a consola mais acessível para a "bolsa" da casa. Apesar do primeiro contacto, viciei-me ferozmente no primeiro fim-de-semana. Pelo preço dos jogos (rondavam os 25€ e os 35€), só contava em ter 1 ou 2 por ano (e assim foi) e cada um deles era jogado até à exaustão (conhecia cada recanto, cada truque).

 

 

 

Os anos foram passando e a minha colecção de jogos para esta máquina foi crescendo:

 

- Super Mario Land

- Super Mario Land 2

- Double Dragon

- Mystic Quest

- Kirby's Adventure

- The Legend of Zelda: Link's Awakening

- Etc...

 

 

Muita aventuras foram vividas com o meu primeiro Game Boy. Hoje ele ainda funciona, mas está guardado como uma peça de museu.

Vive na minha memória como um dos brinquedos mais marcantes da minha juventude e uma porta para explorar melhor o mundo dos jogos (já jogava Spectrum e Amiga mas dos meus primos, estes foram os meus primeiros jogos).

 

 

Dia: 29

 

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.